O Livro dos Médiuns


O Livro dos Médiuns faz parte do Pentateuco Kardequiano, que engloba os 5 livros básicos codificados por Allan Kardec. Antes de mais nada, vamos saber quais livros são esses:

O Pentateuco Kardequiano

Então, conheça os 5 livros que fazem parte do Pentateuco Kardequiano:

  1. Livro dos Espíritos: publicado em 18 de abril de 1857;
  2. Livro dos Médiuns: publicado em janeiro de 1861;
  3. Evangelho Segundo o Espiritismo: publicado em 15 de abril de 1864;
  4. O Céu e o Inferno: publicado em 1 de agosto de 1865;
  5. A Gênese: publicado em 6 de janeiro de 1868.

O Objetivo do Livro dos Médiuns

Quase quatro após ter publicado o Livro dos Espíritos, Allan Kardec dá continuidade ao projeto de criação e divulgação da doutrina Espírita, através da publicação do Livro dos Médiuns, em janeiro de 1861.


Leia também:

Acima de tudo, este importante livro da doutrina Espírita nos traz informações valiosas a respeito do intercâmbio e a relação entre os Espíritos e os encarnados.

O Livro do Médiuns
O Livro do Médiuns

Allan Kardec divulgou o surgimento deste livro em janeiro de 1861, na Revista Espírita, informando ser o complemento do Livro dos Espíritos.

Leia também:

O livro traz os ensinamentos dos Espíritos superiores acerca da teoria e prática de todos os gêneros de manifestações, bem como os meios de comunicação com o mundo invisível.

Apesar do nome sugestivo, o livro não é direcionado apenas ao médiuns, sensitivos e estudantes dos assuntos mediúnicos, conforme alguns podem pensar.

Portanto, é também um livro fundamental para todos aqueles que se interessam pelo Espiritismo e querem aprender mais sobre maravilhoso mundo da Espiritualidade.

Alguns Assuntos Abordados no Livro dos Médiuns

Relacionamos abaixo alguns dos assuntos contidos no Livro dos Médiuns, como por exemplo:

  • Os diversos tipos de pessoas materialistas;
  • Ação dos Espíritos sobre a matéria;
  • Manifestações físicas dos Espíritos;
  • As mesas girantes;
  • Manifestações visuais;
  • A natureza das comunicações;
  • Psicografia;
  • Os tipos de médiuns;
  • Médiuns de efeitos físicos;
  • Pessoas elétricas;
  • Médiuns sensitivos ou impressionáveis, audientes, falantes, videntes, sonambúlicos, curadores, pneumatógrafos, escreventes ou psicógrafos e especiais;
  • A mediunidade nos animais;
  • Obsessão;
  • Identidade dos Espíritos;
  • As evocações;
  • Perguntas que se podem fazer aos Espíritos;
  • Casos de charlatanismo e embuste;
  • Médiuns interesseiros;
  • Vocabulário espírita.

Se você ainda não leu o Livro dos Médiuns, aceite esta sugestão: coloque-o o quanto antes em sua lista de leituras, pois tenho certeza que não irá se arrepender.

Pois, você irá desvendar, através da leitura desse livro, uma infinidade de assuntos e dúvidas sobre o mundo Espiritual que, para muitas pessoas soam como algo “sobrenatural”, “paranormal” e indecifrável.

Em suma, você terá a absoluta certeza, de uma maneira clara como a água, que para todos esses eventos “inexplicáveis”, há sempre uma explicação razoável e lógica.

E vai entender como o mundo Espiritual atua sobre nosso mundo físico. Boa leitura!

Leia também:

Autoria do Texto: Caminho de Jesus Espiritismo